Cuba

Instituto

O Instituto de Estudos Latino-Americanos (LAI) da Freie Universität Berlin foi fundado em 1970 no âmbito de uma ampla reforma universitária como instituto interdisciplinar. No instituto estão representados em ensino e pesquisa sete disciplinas das áreas de ciências sociais e estudos culturais. Atualmente, sete professores titulares e mais de 25 professores e pesquisadores assistentes atuam nas áreas de ensino e nos projetos de investigação desenvolvidos no Instituto. Isso faz do LAI o maior Instituto de pesquisas sobre América Latina na Alemanha e um dos institutos líderes em seu campo na Europa.

As sete disciplinas representadas no LAI são:

Fiel à tradição de interdisciplinaridade em ensino e pesquisa própria do LAI e baseado no conceito de Area studies, os cursos do Instituto têm como meta a transmissão tanto de conhecimentos regionais como de métodos disciplinares específicos. O Instituto oferece o mestrado em “Estudos Interdisciplinares Latino-americanos” (“Interdisziplinäre Lateinamerikastudien”), assim como o módulo de 30 créditos da graduação em “Estudos sobre América Latina“ (“Lateinamerikastudien”). Além disso, as disciplinas representadas no LAI oferecem a cursos de outros departamentos  a possibilidade de especialização em América Latina.

Em 2009 foi estabelecido no LAI  o Colégio Internacional de Graduados “Entre Espaços. Movimentos, Atores e Representações da Globalização” e em 2010 a Rede Internacional de Pesquisa sobre Desigualdades Interdependentes na América Latina (desiguALdades.net). Ambas instituições oferecem às novas gerações de pesquisadores a possibilidade de realizar sua formação em um ambiente de pesquisa e estudos internacional e interdisciplinar.

Também em 2010 foi fundado no LAI o Centro de Pesquisas Brasileiras, o qual concentra projetos e pesquisas científicas no campo das ciências humanas que têm como perspectiva comum o estudo da inserção do Brasil no contexto mundial.

A cidade de Berlim dispõe de uma extraordinária diversidade de instituições de pesquisa universitárias e não-universitárias sobre a América Latina e outras regiões do mundo.